Segunda, 20 de Agosto de 2018
Saúde
Campanha contra a gripe começa dia 23; meta é vacinar 54 milhões de pessoas
Imagem: Reprodução
Publicado em 19/04/2018

Cinquenta e quatro milhões de pessoas devem se vacinar contra o vírus da gripe a partir da próxima segunda-feira, dia 23 de abril.

A campanha nacional do Ministério da Saúde vai até o dia primeiro de junho. O ministro da saúde, Gilberto Occhi, descreve o público alvo: Segundo o Ministério da Saúde, no ano passado, cinquenta e dois milhões de pessoas foram imunizadas, mas as crianças, por exemplo, ficaram abaixo da meta, com taxa de 77% de imunização, enquanto a média de todo o público-alvo foi de 87%.

Por isso, o ministro faz um apelo às famílias. O ministro ainda destacou que, apesar da campanha de pouco mais de um mês, o dia D de mobilização vai ser em 12 de maio, num sábado, para quem não quer perder aula ou dia de trabalho. 65 mil postos de vacinação de todo o país devem receber as 60 milhões de doses, que serão repassadas de graça para a população. 40% dessas doses já foram entregues pelo órgão.

O Ministério da Saúde alerta para a importância da vacina, que reduz em até 75% o número de mortes causadas pelas complicações da influenza. Quem se vacina fica imune a três subtipos do vírus da gripe: H1N1, H3N2 e influenza B.

O vírus causa sintomas como febre alta, dor muscular, dor de garganta, dor de cabeça, coriza e tosse seca. A transmissão ocorre por contato com secreção das vias respiratórias de pessoas contaminadas, ao falar, tossir ou espirrar.

A orientação médica é ter cuidados diários, como lavar as mãos frequentemente, cobrir o nariz e boca ao tossir ou espirrar, não compartilhar objetos de uso pessoal e evitar aglomeração de pessoas. Segundo o Ministério da Saúde, em 2016 morreram mais de duas mil pessoas, entre 12 mil infectadas pela doença. Este ano foram 62 mortes até 14 de abril.

O mesmo período registrou 66 mortes, no ano passado. O prazo da campanha não vai ser prorrogado e encerra dias antes do início do inverno, no Brasil. Como o período é favorável para a proliferação do vírus da influenza, a recomendação é que todo o público-alvo procure os postos de saúde.

Por: Agência Brasil
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2018 © Todos os direitos reservados - 17 usuários online - Páginas visitadas hoje: 110