Quinta, 19 de Julho de 2018
Pagamentos
Coelba acumula reclamações e presidente da Assembleia cobra melhorias:
Imagem: Agência Brasil
Publicado em 06/07/2018

O consumidor precisa ter muita paciência para conviver com o serviço prestado pela Coelba em todas as cidades da Bahia. Além dos valores cobrados, está difícil até mesmo pagar a conta de luz.

Desde o início de junho, o pagamento deixou de ser feito nas lotéricas e passou a ser realizado apenas em pontos de atendimento da companhia e locais credenciados. “Na Península de Itapagipe são 16 bairros, mas só tem um posto de atendimento da Coelba. As filas são gigantescas”, afirmou um ouvinte da Rádio Metrópole, que não se identificou. Em entrevista a Mário Kertész, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Angelo Coronel, afirmou que as reclamações reforçam a tese de que o governo precisa retomar a gestão do serviço. “Não respeitam a Bahia. Queremos reestatizar [a Coelba]. Não é fácil, mas, se não melhorar, tem que voltar para o Estado. Tem que voltar o convênio com as lotéricas. Espero que Procon faça algo”, cobrou.

Além da dificuldade de pagar a conta de energia, dezenas de ouvintes procuraram a emissora para relatar problemas como a dificuldade para conseguir emitir a 2ª via da fatura no site da empresa e a extinção do serviço de religação de energia. “Não existe mais a religação de emergência. Só religam com 24 horas”, afirmou Johnny Souza. Procurada pela Metrópole, a Coelba ainda não se posicionou sobre as reclamações.

Por: Redação
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2018 © Todos os direitos reservados - 12 usuários online - Páginas visitadas hoje: 641